O ESPORTE

A orientação é um esporte no qual os atletas usam um mapa detalhado e uma bússola para encontrar pontos no terreno previamente mapeado. Esta atividade pode proporcionar conhecer lugares novos, fazer novas amizades, desfrutar o tempo livre com a família e participar de campeonatos de Orientação. Um percurso de Orientação é composto por um ponto de partida, um ponto de chegada (que pode ser o mesmo ou não) e uma série de pontos intermediários numerados, por onde o praticante terá que passar seguindo a seqüência determinada no mapa. Existem várias modalidades deste esporte: corrida de orientação, orientação sobre esquis, orientação para pessoas portadoras de deficiências e orientação em mountain bike. A Corrida de Orientação, também chamada simplesmente de Orientação – a modalidade mais praticada no Brasil – caracteriza-se por ser uma corrida aeróbica, semelhante ao crosscountry, desenvolvida em florestas, matas, trilhas e campos ou perímetros urbanos.

No momento da largada o praticante recebe um mapa com uma sequencia de pontos marcados, que deverão ser encontrados ao longo da corrida  no menor tempo possível. A escolha das rotas ,assim como a precisão e velocidade dos orientadores é que definem o resultado.

O mapa de orientação é um mapa topográfico detalhado (vegetação,relevo,hidrografia ,construções ...), onde é marcado os pontos que deverão ser encontrados. No terreno esses pontos são representados por prismas coloridos e numerados  onde os corredores deverão registrar sua passagem.

Regras Básicas:

  • Passar por todos os pontos , respeitando a sequencia.

  • Registrar corretamente esta passagem

  • Preservar a natureza

 

Um Pouco de história...

 

No Mundo

Orientação é uma modalidade esportiva que utiliza a natureza como campo de jogo e sua origem se deu nos países Nórdicos a mais de cem anos, é amplamente praticada na Europa e muito popular, apesar de ainda não ser um esporte olímpico.

 

No Brasil

Em 1970 alguns militares foram a Europa observar as competições de Orientação do CISM (International Military Sports Council).
Em 1971, o Coronel Tolentino Paz, pioneiro na Orientação, organizou as primeiras competições militares no Brasil.

Em 1974 o desporto Orientação foi incluído no currículo da Escola de Educação Física do Exército, EsEFEx, sendo uma disciplina obrigatória.

Em 1984 foi realizado em Curitiba, PR, o XVII Campeonato Mundial Militar de Orientação que contribuiu para o desenvolvimento do desporto entre os militares e civis brasileiros.

Em 06 de julho de 1986 foi realizado o I CAMPEONATO METROPOLITANO DE CORRIDA DE ORIENTAÇÃO DE CURITIBA, realizado no Parque Barigüi, com a participação de 115 atletas. A competição repetiu-se nos anos de 1987 e 1988, organizada pelo Departamento de Esporte e Recreação da Prefeitura Municipal de Curitiba com apoio das Unidades Militares (quartéis) do Exército. 

MAPA

O mapa de orientação é uma representação fiel do terreno que usa uma simbologia própria do esporte para representar em escala o lugar onde é realizada a prova, também é nele que vem definido os pontos de controle em que o atleta deve passar.

BUSSOLA

A bussola é a ferramenta usada pelo atleta para orientar a carta com o terreno, se orientar e traçar um azimute (direção) que deve seguir a fim de encontrar o ponto de controle. as bussolas usadas em orientação são de limbo móvel, não é qualquer bussola que pode ser usada no esporte de orientação.

PRISMA

O prisma é onde fica o ponto de controle que pode ser picotador manual ou sistema digital (com chips) que registra a passagem do atleta, o prisma é sempre laranja e branco a fim de se destacar e ser visível em qualquer lugar a uma distancia rasurável.

Nada que reservar ahora. Vuelve a intentarlo

© 2023 cocap todos os direitos reservados

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now